Aécio Neves e o Duping Delight

Duping Delight

Depois do debate do segundo turno na Rede Bandeirantes de Televisão, comecei a notar uma grande movimentação nas redes sociais dando conta do desprezo mostrado pelo candidato à Presidência da República Aécio Neves.

Eu havia identificado diversas expressões de desprezo durante as falas, mas não pensei que fossem causar o impacto que causaram. Hoje, analisaremos essas expressões e explicarei o duping delight.

Venho destacando esses aspectos em diversos artigos que fazem parte de nossa série sobre COMUNICAÇÃO NÃO VERBAL NA POLÍTICA.

Veja abaixo alguns títulos:



O que é o duping delight?

O duping delight (não existe uma expressão em Língua Portuguesa) na literatura científica norte-americana é, numa tradução livre, o prazer proveniente do ato de enganar. Penso que é mais adequado entender que é um prazer proveniente do êxito de uma estratégia ou mesmo da antecipação psicológica desse êxito, não necessariamente associado ao ato de enganar.

Vejam:

Duping Delight

É uma emoção irresistível, inicialmente não consciente também associada ao risco ou à fuga dele. Também aparece nas situações em que há desprezo pelo interlocutor ou pela situação em questão. Outro cenário em que aparece é diante do orgulho soberbo em compartilhar conquistas ou em alguém que busca a admiração pelas suas façanhas. É muito difícil de conter, por isso vale a pena aprender a identificá-la.

Quando uma pessoa sente que seu plano vai dar certo, ela pode mostrar o duping delight. Um exemplo disso é aquele sorrisinho discreto e unilateral que seu algoz no trabalho exibe quando você passa por alguma dificuldade em frente aos colegas. Dessa forma, essa expressão também está associada ao desprezo que alguém sente em relação à outra pessoa…. Veja a figura ao lado e tente lembrar se já viu essa expressão.

 

Aécio no debate da Band

A quantidade de expressões de desprezo mostradas pelo candidato Aécio Neves durante o debate foi notadamente alta. Sob o ponto de vista comportamental, isso explica o porquê da impressão que as pessoas tiveram. Apesar de não serem técnicos e não conseguirem explicar as suas impressões, o sentimento é que Aécio desprezava Dilma… Esse foi o comentário nas redes sociais. Como expliquei acima, não há uma indicação positiva no uso dessa expressão…. O candidato Aécio Neves só perde com ela.

Vejam as expressões:

Em apenas uma rodada de perguntas e respostas (cerca de 5 minutos), referentes às investigações de corrupção na Petrobras, contamos 7 expressões de Duping Delight, mostradas acima. É muito……

 

Mostrar expressões de duping delight é vantajoso?

Como estratégia, mostrar o duping delight não é vantajoso para Aécio. A excessiva quantidade de microexpressões de desprezo transmite uma ideia de narcisismo, de superioridade presumida, o que não agrada ao eleitor comum. Os correligionários do PSDB não ficarão incomodados, mas em um momento crítico da campanha, esse tipo de indicador não verbal é, certamente, negativo.

Como especialista recomendo ao candidato e à sua assessoria que façam o possível para evitar essas expressões de forma tão generalizada. Com toda a certeza isso vai prejudicar a imagem de Aécio.
Veja também o artigo sobre o DEBATE NO SBT:

[srp widget_title=” ” post_limit=”7″ post_content_type=”excerpt” post_content_length=”35″ post_content_length_mode=”words” post_random=”yes” post_date=”no” post_author_url=”no” post_category_link=”no” noposts_text=”Não há artigos” title_string_break=”” string_break=”” string_break_link=”no” post_include=”13487″ rw_opt=”Array”]

Conseguiu ver os indicadores não verbais que mostramos aqui? Aproveite e teste as suas habilidades.

Siga acompanhando nossas matérias. Veja uma seleção de artigos que vão te ajudar a entender a MENTIRA NA POLÍTICA:


Mentira na política - linguagem corporal

A mentira na política

Vivemos dias difíceis, nos quais a mentira na política tomou uma proporção imensa.... Observar a linguagem corporal pode te ajudar a melhorar as suas escolhas na hora das eleições. Abaixo, você encontra uma seleção de ...
Leia Mais

 

Um abraço

Sergio Senna


Visite as Seções do Portal:

 


Como citar este artigo:

Formato Documento Eletrônico (ABNT)

PIRES, Sergio Fernandes Senna. Aécio Neves e o Duping Delight. Instituto Brasileiro de Linguagem Corporal. Disponível em < https://ibralc.com.br/aecio-neves-e-o-duping-delight/> . Acesso em 3 Dec 2016.

Formato Documento Eletrônico (APA)

Pires, Sergio Fernandes Senna. (2014). Aécio Neves e o Duping Delight. Instituto Brasileiro de Linguagem Corporal. Recuperado em 3 Dec 2016, de https://ibralc.com.br/aecio-neves-e-o-duping-delight/.

The following two tabs change content below.
Sergio Senna
Psicólogo, doutor em psicologia (UnB), possui diversas especializações na área de educação, segurança e políticas públicas. Tem larga experiência acadêmica e profissional na interpretação da linguagem corporal, presta assessoria institucional no Congresso Nacional e desenvolve trabalhos acadêmicos nas temáticas da análise da mentira e da linguagem corporal. Veja o currículo completo aqui!
Sergio Senna

Últimos posts de Sergio Senna (ver todos)

Posted in Política and tagged , , , , , , , , , , .

6 Comments

  1. Olá, vou ser bem direto, reparei no candidato Aécio alguns sorrisos irônicos quando ia responder perguntas como se soubesse soubesse o que a candidata iria perguntar e, às vezes quando dava esses sorrisos ele começava a responder e confirmava para com olhares a seus assessores e para a câmera que o filmava como se sentindo a vontade para responder tal pergunta. Por outro lado, gostaria que vocês também, certas expressões da candidata Dilma tais como, a altivez de seu olhar, como só olhasse o seu opositor de cima para baixo, também ela demonstra desprezo e impaciência principalmente quando ela aperta os canto da boca e quando ele esta falando e, também quando ela fica revirando os papéis numa atitude de que não nem aí pára a presença dele.

  2. A tradução seria “deleite em enganar”. É perfeita a relação com narcisismo e superioridade presumida, especialmente em alguém que sempre venceu sem precisar competir e é obrigado a sentir o desprezo para negar para si mesmo as conquistas e o ódio para lidar com a disputa diante de um adversário forte. Para não parecer partidarismo, pode ser a mesma reação de alguém que alcançou a vitória e se acomodou com ela, mesmo sabendo que está errado, como foi com o José Dirceu.

  3. O PSDB é bom para treinar seus candidatos, basta ver a evolução do Geraldo Alckmin nos debates. Se fosse uma empresa, o PSDB formaria campeões de vendas.

  4. Doutor, eu tive a mesma impressão que Fazzio, que as microexpressões demonstrada pelo candidato foram em relação a própria pergunta da candidata, como se ele esperasse que ela falasse aquilo. Porem, obviamente houve momentos de demonstração de desprezo, e em muitas dessas pelo o que interpretei foi em muitos momentos foi em relação a própria candidata, ao que ela deixou de fazer ou algo que ia de encontro aos ideais do candidato.
    Não sei se o que concluir esta certo, sou carente de conhecimento nessa área, porem me interessa. Gostaria de saber se poderia ser isso que mencionei, se estaria certo minha interpretação. E parabéns pelo site é bastante interessante e explicativo.

  5. Será que é proveniente do ato de enganar mesmo? Eu tive a impressão que sempre acontecia isso em antecipação à própria resposta, fruto de uma pergunta já imaginada. Trabalho na área da comunicação publicitária e percebo claramente que, muitas vezes, ele armou a arapuca e ela entrou nela… Por isso, acho que esses sorrisos dele, são relacionados às respostas que iria dar em seguida… Mas não discordo, de maneira alguma, da sua análise.
    Gostaria de saber se foi feita uma análise da linguagem dela, que muitas vezes levou a mão à boca, se coçou, torceu os dedos e etc.

Deixe uma resposta